Aos socos por “Deus”

Aos socos por “Deus”

O que está a acontecer na IURD era mais do que previsível, tão grande era o desfile arrogante da certeza da impunidade que permitia até publicitar em espaços públicos águas “milagrosas” capazes de curar tudo, o que agora, quando se precisa . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta