Ataques de dezembro na RDCongo mataram 535 pessoas e tiveram apoio de chefes tradicionais, segundo a ONU

Ataques de dezembro na RDCongo mataram 535 pessoas e tiveram apoio de chefes tradicionais, segundo a ONU

Os ataques intercomunitários na Republica Democrática do Congo (RDCongo), entre 16 e 18 de dezembro de 2018, foram responsáveis pela morte de 535 pessoas e "planeados e executados com o apoio dos líderes tradicionais", denunciou hoje a ONU“O inquérito pôde confirmar que pelo . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta