Caso zungueira do Rocha: Socióloga defende desarmamento da Polícia de Ordem Pública

Caso zungueira do Rocha: Socióloga defende desarmamento da Polícia de Ordem Pública

A socióloga Tânia de Carvalho disse ser necessário repensar o perfil da Polícia que o país precisa, sem o que, situações como estas continuarão a acontecer na nossa sociedade, sustentando que é o momento de as autoridades começarem a pensar na possibilidade de desarmarem a Polícia de Ordem Pública. Sobre os empregos que as instituições se predispuseram a oferecer ao viúvo, Tânia de Carvalho considera errado o alegado gesto da PN, frisando que com isso estaria a criar-se um precedente.


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta