Com Trump sentado ao lado Macron chama o nacionalismo de traição

Com Trump sentado ao lado Macron chama o nacionalismo de traição

O Presidente francês, Emmanuel Macron, usou um discurso aos líderes mundiais reunidos em Paris para as comemorações do Armistício no Domingo para enviar uma mensagem severa sobre os perigos do nacionalismo, ao considerá- lo uma traição aos valores morais. Com o Presidente dos EUA, Donald . . .


Registe-se ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta