Festival de curtas-metragens arranca no Centro Cultural Português

Festival de curtas-metragens arranca no Centro Cultural Português

Dez curtas-metragens, entre filmes e documentários de realizadores portugueses compõem a presente edição do New York Portuguese Short Film Festival (NYPSFF), que decorre hoje, no Auditório Pepetela do Camões-Centro Cultural Português, em Luanda

Serão exibidas as peliculas “Ana morfose”, “Mudflats”, “Borderline”, “Kafka’s doll”, “They call it… red cemetery!”,”Chicago”, “Extinctions”, “A Lisbon affair”, “Nata of this life”, “Rua do Caneiro” no horário das 15 às 18 horas em duas sessões.

As obras são dos realzadores João Rodrigues, Luis Campos, Leonor Rocha Oliveira, Bruno Simões, Francisco Lacerda, João Pombeiro, Mónica de Almeida, Hoji Fortuna, Cláudia Sofia Gomes Ricardo Miguel Soares, Leonor Faria Henriques, respectivamente, para a devida apreciação do público.

O festival tem como objectivo promover o cinema luso contemporâneo, bem como os trabalhos recentes de jovens realizadores da nova geração, que procuram alargar e diversificar o público do cinema.

O mesmo é organizado pelo Arte Institute, sediado em Nova Iorque e dirigido por Ana Miranda.O NYPSFF foi o primeiro festival de curtas-metragens portuguesas, nos EUA, tendo ocorrido, em Junho de 2011, em Nova Iorque, e em Lisboa, simultaneamente.

O Arte Institute é um instituto independente, sem fins lucrativos, que tem vindo a desenvolver actividades em Nova Iorque, Lisboa, Rio de Janeiro e Luanda, cujo objectivo passa pela dinamização e difusão da arte contemporânea portuguesa em várias expressões artísticas, na Europa, América e África numa dinâmica de triangulação atlântica.

Desde 2013, tem vindo a apresentar, anualmente, um ciclo de curtas-metragens no Camões/Centro Cultural Português de Luanda.

Sinopses

“Ana Morphose”: uma menina tenta realizar tarefas do dia-adia e encontra problemas inesperados. Um delírio visual criado pelas técnicas experimentais de animação que se confrontam e interligam enquanto a personagem principal tenta adaptarse ao ambiente que a rodeia.

“A Lisbon Affair ”: Waldo e Shey são apaixonados. Waldo, que vive em Berlim, viaja para Lisboa para encontrar-se com Shey. Esse encontro irá testar a força do seu afecto e revelar incertezas em relação à sua identidade Afro-Portuguesa.

“Nata of This Life”: Nata desta Vida surge da fome de aprender a trabalhar no universo do stop motion com a (fome) de representar algo tão tradicional e português como o típico Pastel de Nata.

Esta é uma curta-metragem que demonstra todos os passos da receita, metaforizando os ingredientes em elementos tradicionais portugueses.