Primeira edição do “Luanda Morna Fest” rende homenagem a Sara Tavares

Primeira edição do “Luanda Morna Fest” rende homenagem a Sara Tavares

O festival de música “Luanda Morna Fest”, que acontece neste Sábado e Domingo, 02 e 03, no Shopping Fortaleza, vai homenagear, na sua primeira edição, a cantora luso-cabo-verdiana Sara Tavares, falecida no passado dia 19, vítima de câncer, em Lisboa, Portugal

Para o acto de homenagem serão interpretadas, por artistas angolanos, algumas canções que marcaram o “memorável” reportório de Sara Tavares, bem como a exibição de um vídeo sobre a vida e obra da homenageada.

Organizado pela embaixada de Cabo-Verde em Angola, em parceria com o Projecto Resiliart Angola, o festival vai juntar mais de 10 artistas entre angolanos e cabo-verdianos, com o objectivo de celebrar o género musical morna, classificado como Património Imaterial da Humanida- de da UNESCO, desde 2019.

O evento, segundo a organização, vai servir também de “brecha” para reforçar os laços e promover o intercâmbio entre as duas culturas, no domínio da música, integrado nas acções extensivas da Bienal de Luanda Fórum Pan-Africano, realizada recentemente na capital do país.

De acordo com a organização, no palco do concerto vão passar algumas das grandes vozes da música cabo-verdiana, como Tito Paris, Manel d’Candinho, Banda Raízes de Cabo-Verde, Katia Semedo, Palinho, Mindela Soares, Lucibela, entre outros.

Já as vozes angolanas estarão representadas pelas artistas Anabela Aya e Margareth do Rosário, que terão a “nobre missão” de entreter o público diversificado, constituído por artistas, empresários, amantes de boa música e diplomatas dos dois países, com as suas vozes peculiares, cantando aqueles que são/foram os maiores sucessos das suas carreiras musicais.