Angola perde por margem mínima frente à França no Mundial

Angola perde por margem mínima frente à França no Mundial

A Selecção Nacional sénior feminina de andebol perdeu por margem mínima de um golo, isto é, por 29-30, frente à similar francesa, no Arena DNB, na cidade norueguesa de Stavanger, em jogo referente à primeira jornada do grupo D do Mundial.

Com este desaire, o combinado angolano ocupa o terceiro lugar sem pontuar, ao passo que as compatriotas de Emmanuel Macron somam dois pontos na segunda posição, os mesmos que a líder Eslovénia.

Por sua vez, a Islândia ocupa o último lugar da série sem qualquer ponto, fruto da der- rota, por 30-24, diante das eslovenas. A lateral direita da Selecção Nacional, Azenaide Carlos, foi eleita a jogadora mais valiosa (MVP) da partida.

Ao intervalo, Helena Paulo, Liliane Venâncio, Albertina Cassoma e companheiras perdiam por 18-15, três golos de desvantagem. Na próxima jornada, as pérolas africanas vão medir forças, no sábado, diante da Eslovénia, em jogo a contar para a segunda ronda, a partir das 15 horas.

Teresa Almeida “Bá”, Aminata Kanka, Marta Alberto, Liliane Mário, Juliana Machado, Marília Quizelete, Isabel Guialo, Bernadeth Belo, Dolores do Rosário, Natália Bernardo, Márcia Manuel, Chelcia Gabriel e Helena Paulo são as comandadas de Vivaldo Eduardo.

Na última edição do Campeonato do Mundo “Espanha 2022”, as pérolas africanas terminaram na vigésima quinta posição, prova ganha pela Noruega.