Côte d’Ivoire conquista CAN pela terceira vez

Côte d’Ivoire conquista CAN pela terceira vez

Os ivoirenses destronaram, ontem, o Senegal, de Sadio Mané, campeão do Campeonato Africano das Nações da edição anterior

O Côté d’Ivoire s a g r o u – s e , nesse Sábado, campeã do CAN 2023, após vencer, por 2-1, a Nigéria, na final da prova que encerrou ontem em solo ivoirense.

Ontem, a final do 34° Campeonato Africano das Nações, começou de forma tímida, visto que as duas selecções pareciam com medo de arriscar.

Ainda assim, os donos de casa procuravam assumir o comando da partida, mas apresentavam poucos argumentos no ataque para violar a defesa contrária.

Numa jogada de bola parada, o central nigeriano, Ekong, aos 38 minutos, aproveitou o ponta-pé de canto cobrado pelo seu colega para colocar a Nigéria em vantagem no marcador.

No segundo tempo, os donos de casa conseguiram anular o craque nigeriano do Nápoles, Victor Oshimen.

Por esse motivo, conseguiram chegar à igualdade por intermédio de Kessien, antigo jogador do Barcelona de Espanha, aos 62 minutos, da partida.

Volvidos 15 minutos, os compatriotas de Didier Drogba fizeram o segundo tento por intermédio de Haller, num toque mágico.

Depois do tento sofrido, os comandados do treinador português José Peseiro não conseguiam chegar à baliza adversária com perigo iminente.

Por esta razão, os nigerianos foram incapazes de impedir a derrota. Com esta vitória, os ivoirenses somam agora três títulos. Por sua vez, os nigerianos mantêm-se com três troféus.

A selecção da Côté d’Ivoire destronou, deste modo, a congénere do Senegal, de Sadio Mané, colega de Cristiano Ronaldo.