E assim…Em 2022, quem vai gostar?

A rapidez com que se inventam campanhas e slogans nas redes sociais serviriam para inúmeras teses de mestrado em comunicação. Se a criatividade empenhada fosse a mesma em determinados aspectos da nossa vida política, económica e social, sem dúvidas que . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta