É de hoje… Continuar a caminhar

É de hoje… Continuar a caminhar

Queria Deus que um dia tivesse transformado muitos adeptos em defensores das convicções mais liberais que existem. Talvez se pudesse dizer que fossemos nós bons rapazes, daqueles que não acreditassem sequer em melhores dias, sobretudo nos momentos em que o país nos proporciona bons dias, nem . . .


Registe-se ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta