Elisa Gaspar: ‘Estamos a lutar para que o médico seja visto de forma diferente’

Elisa Gaspar:  ‘Estamos a lutar para que o médico seja visto de forma diferente’

Faltam alguns dias para completar um ano à frente da Ordem dos Médicos de Angola. Já se pode começar a fazer um balanço?

Com certeza. Não quero dizer que estou aqui como a melhor, não. Apenas estou a cumprir com a agenda da minha . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta