Ex-PCA da SODMAT e parceiros aguardam julgamento em liberdade

Ex-PCA da SODMAT e parceiros aguardam julgamento em liberdade

Por enquadrar-se num crime cuja moldura penal é de 12 a 16 anos de prisão, os quatro arguidos neste processo não beneficiaram do privilégio estabelecido pela Lei de Amnistia para os Crimes Económicos, segundo a Procuradoria Geral da República na Huíla

Texto de . . .


Registe-se ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta