Funcionária da TAP em Luanda detida por suspeitas de tráfico humano e emigração ilegal

Funcionária da TAP em Luanda detida por suspeitas de tráfico humano e emigração ilegal

Uma funcionária da TAP, estrangeira, a trabalhar “nos escritórios de Luanda”, foi detida pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, adiantou a companhia aérea à rádio portuguesa TSF. Fonte do SEF (Serviço de Emigração e Fronteiras – de Portugal) confirmou tamb . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta