Governador reparte responsabilidades no atraso das obras do PIIM em Benguela

Governador reparte responsabilidades no atraso das obras do PIIM em Benguela

O governador provincial de Benguela, Luís Nunes, reconhece que, além dos empresários envolvidos no Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), o governo também deve ser responsabilizado pelos atrasos que se registam em algumas obras na província, pois, em muitos casos, os . . .


Registe-se ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta