Editorial: Alterações Silenciosas

Editorial: Alterações Silenciosas

Se Angola tem de limpar o seu rosto nas áreas financeira e económica para voltar a ter crédito das instituições internacionais, porque é cada vez mais difícil encontrar quem disponibilize dinheiro para um país tido como corrupto etc., também é verdade que noutras áreas a renova . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta