Angolanos unem-se no combate à violência contra mulheres

Angolanos unem-se no combate à violência contra  mulheres

A afirmação foi feita ontem, em Luanda, durante a Marcha de Repúdio à Violência contra as Mulheres. Apesar de ter sido uma actividade voltada para o público feminino, os homens juntaram-se à causa alegando que não existirá uma sociedade forte enquanto as mulheres forem vistas como . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta