Editorial: Palavras cruzadas

Editorial: Palavras cruzadas

Não, não se trata de um jogo, o que temos assistido é algo muito mais sério. Figuras angolanas com algum destaque na sociedade têm-se envolvido em troca de palavras que, por um lado, em nada ajudam no desenvolvimento do país, mas, por outro, são a expressão da sua liberdade de expressão, que mesmo assim deveriam ponderar.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta