Editorial: Duas falácias

Editorial: Duas falácias

Partindo do princípio de que ocupam determinados cargos porque mereceram a confiança de quem lá os colocou, homens e mulheres que deveriam velar pelo crescimento de empresas e dos funcionários, assumem comportamentos equivocados, assentes na assumpção da total impunidade.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta