2017: Um ano “tímido” para a pesca do carapau em Benguela

2017: Um ano “tímido” para a pesca do carapau em Benguela

A análise foi feita pelo director do Gabinete Provincial da Agricultura, Pecuária e Pescas, José Gomes, que, comparando com anos anteriores, considera que a espécie carapau, uma das duas mais pescadas em Benguela, esteve pouco presente nos mares benguelenses em 2017.

POR: Zuleide de Carvalho em . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta