Petróleo de referência para Angola em queda

O Brent, referência para as exportações angolanas, abriu ontem, Quinta-feira 21, em baixa.

O barril de petróleo Brent para entrega em Fevereiro abriu, esta Quinta-feira 21, em baixa no mercado de futuros de Londres, cotado a USD 64,52. O petróleo do Mar do Norte, de referência para Angola, terminou Quarta-feira o pregão no International Exchange Futures (ICE) a USD 64,56, com ganhos de 1,19%.

Por outro lado, um acordo global para cortar a produção de petróleo pode ser estendido para além de 2018, disse Pavel Fedorov, primeiro vice-presidente da maior produtora de petróleo da Rússia, a Rosneft, esta Segundafeira, apresentando a estratégia da companhia até 2022.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) e outros grandes produtores liderados pela Rússia concordaram, no mês passado, estender o acordo de redução de produção até finais de 2018, com possibilidade de revisá-lo em Junho.

“Esse acordo da OPEP obviamente afectará nossas metas de curto prazo… não descarto que ele possa ser estendido”, observou Fedorov. A estatal Rosneft responde por 40 por cento da produção total de petróleo da Rússia.