Presidente do Peru justifica perdão a Fujimori: “justiça não é vingança”

Presidente do Peru justifica perdão a Fujimori: “justiça não é vingança”

Segundo dia de protestos contra indulto concedido a Alberto Fujimori junta milhares de pessoas nas ruas. Manifestantes exigem a demissão do presidente e acusam Pedro Pablo Kuczynski de ser um “traidor”.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta