loader

Ministra da Cultura desta Carnaval com factor de unidade nacional

A ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, considerou o Carnaval como uma grande festa de unidade nacional, da expressão da riqueza do saber, do ser dos angolanos e do sentir, através dos vários símbolos que são transmitidos pelos grupos durante os desfiles competitivos.

Carolina Cerqueira, que fazia o balanço do ano 2017, referiu que a maior festa cultural angolana deve contar com a participação activa da sociedade, como forma de dotar os grupos de mais valias para que possam apresentar- se durante os desfiles de forma digna. A governante salientou que a comparticipação de todos não só vai aliviar os encargos do Estado – principal financiador do evento por meio do OGE, mas também para transformar o Carnaval numa festa nacional.

Sublinhou que o Ministério da Cultura quer que o Entrudo de Luanda passe a contar com grupos de outras províncias, em representação da cultura nacional, de todas as expressões de folia, alegria e de cor de Cabinda ao Cunene. Esta ideia, segundo Carolina Cerqueira, começa a ser efectivada a partir deste ano de 2018, com a participação de grupos de cinco províncias como forma de o tornar mais nacional e representativo.

No âmbito do processo de internacionalização da Cultura angolana, em particular do Carnaval, a ministra fez saber que o ministério convidou alguns países para que, simbolicamente, possam participar no Carnaval angolano, como forma de se cruzarem os aspectos culturais angolanos com o de outros países. Carolina Cerqueira adiantou ainda que vão procurar encorajar as escolas para que incentivem as crianças a dançar o Carnaval, de modo a se incutir nelas a importância desta manifestação cultural angolana. O Carnaval acontece, este ano no mês de Fevereiro.

Últimas Notícias