BJAP assinala Dia da Cultura com uma feira na Cidadela

A Brigada de Jovens Artistas Plásticos (BJAP), em colaboração com o Instituto Angolano da Juventude(IAJ), realizam Quinta-feira, 11, em Luanda, uma feira artística denominada “Expo- Cultural”, a ter lugar na Galeria dos Desportos, na Cidadela Desportiva

Por: Ireneu Mujoco

A feira prevê reunir mais de 30 expositores nacionais, entre consagrados e novos talentos que vão despontando em várias disciplinas das artes plásticas:

pintura, escultura, artesanato, fotografia, cerâmica, olaria, desenho e gravura. Inserida nas comemorações do Dia Nacional da Cultura, a assinalar- se no dia 8 de Janeiro, participam também neste certame, escritores do Movimento Lev´Art, percussionistas, decoradores e estilistas.

O secretário-geral da BJAP, Adão Mussungo, informou a este jornal que a feira servirá também para despertar a mente dos jovens sobre a importância das artes plásticas na sociedade. Sob o lema “ Janeiro Cultural”, o certame reúne apenas artistas residentes em Luanda, sendo que as demais províncias estarão ausentes por razões financeiras. Adão Mussungo informou que nesta feira participarão apenas associados da BJAP que terão a oportunidade de colocar as suas criações à disposição do grande público amante da pintura.

Instituído Prémio BJAP

O responsável anunciou também a instituição do “Prémio BJAP”, em Abril, que visa premiar artistas que se destaquem ao longo de cada ano. O prémio é constituido por um kit de trabalho para as artes plásticas e um certificado. Serão contemplados com este instrumento de trabalho, o primeiro e o segundo classificados, sendo que o terceiro e o quarto receberão menções honrosas.

Serão premiadas as categorias de desenho, pintura, gravura, fotografia, escultura, olaria, cerâmica e outras disciplinas das artes plásticas, revelou a fonte. Tomada de posse Reeleita em Junho de 2017, esta nova direcção tomou posse finalmente no pretérito dia 28 de Dezembro, após sucessivos adiamentos por razões de calendário. Este novo elenco, que vai exercer funções no quadriénio (2017- 2021), tem como presidente de direcção Mariza dos Santos, secundada por Zeca Santos, Aristides Baptista, primeiro e segundo secretários, respectivamente.

Júlio Pinto é o novo secretário para a área administrativa, Ladislau Cusseca responde pelas actividades culturais e intercâmbio, sendo que Nelson Kissoca é o secretário para a formação de quadros. Para o conselho fiscal, tomou posse como presidente Arina Augusto da Silva, e Isaac Pedro como secretário, ao passo que Maiomona Vua, Simão André, Pedro Mambo e Mateus dos Santos, são os suplentes.

Linhas de força

O novo elenco saído do conclave realizado sob o signo “Jovens em Prol da Arte”, segundo o reconduzido secretário-geral, a acção da BJAP, neste mandato, passa por estimular a criatividade artística dos jovens e a formação profissional. Esta acção será extensiva a todas as províncias do país em que a BJAP está representada, numa primeira fase, e posteriormente, noutras em que pretende se instalar durante o seu mandato.

Adão Mussungo defendeu também a profissionalização dos jovens artistas junto dos já consagrados, através dos atelieres espalhados em todo o país, bem como estruturar a BJAP nas suas diversas áreas. Prevê ainda promover colóquios, workshops, seminários e estabelecer protocolos de cooperação com organizações congéneres nacionais e internacionais.