loader

João Lourenço fala à imprensa

o Governo de Angola manifesta a vontade de estreitar a relação com a imprensa nacional, facilitando a cobertura das acções do Chefe de Estado de modos a tornar a sua agenda pública, bem como outros assuntos de interesse nacional.

Por: Norberto Sateco

A decisão avançada aos jornalistas na tarde desta Quinta-feira (4), pelo secretário do Presidente da República para os Assuntos Institucionais e de Imprensa, Luís Fernando, não exclui os órgãos estrangeiros, muito menos os privados, que até então não tinham acesso ao palácio presidencial em actividades de interesse público.

“É do grande interesse do Presidente da República que a sua agenda mereça um melhor acompanhamento dos jornalistas, competindo a nós criar facilidades para que esta pretensão aconteça”, disse o alto funcionário da Presidência da República.

Na sua comunicação, Luís Fernando adiantou que, anualmente, o chefe de Estado dará uma entrevista colectiva aos profissionais de comunicação para abordar diferentes aspectos da vida do país. Em jeito de pontapé de saída a este projecto, aquele responsável anunciou a primeira entrevista para o próximo dia (8), no palácio presidencial. “

A entrevista é aberta e os senhores jornalistas terão a oportunidade de conversar com o senhor Presidente da República sobre os mais diversos assuntos que suscitarem o interesse público”, afirmou o assessor do Chefe de Estado. Salientou que a mesma entrevista não terá como objectivo fazer uma retrospectiva dos cem dias de governação do Presidente, mas se revestirá de “carácter abrangente”.

Últimas Notícias