Pronunciamento de PM cabo-verdiano sobre greve da Polícia motiva queixa à OIT

Pronunciamento de PM cabo-verdiano sobre greve da Polícia motiva queixa à OIT

A Confederação Caboverdiana dos Sindicatos Livres (CCSL) prometeu apresentar queixa contra o Estado de Cabo Verde junto da Organização Internacional do Trabalho (OIT), devido ao pronunciamento do primeiro-ministro, que comparou a greve dos efectivos da Polícia Nacional (PN) a um “atentado ao Estado Direito Democrático”.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta