Acções da Odebrechet no Catoca passam para participada da Alrosa

O Presidente da República decretou a autorização para ceder a quota representativa de 16,4 por cento que a Odebrecht Mining Services Investiments GmbH possui na Sociedade Mineira da Catoca, Limitada, para a Wargan Holdings Limited, empresa cujo capital social é detido a 100% pela Alrosa PJSC.

A notícia da passagem das acções da Odebrecht para a participada está publicada no Diário da República de 04 de Janeiro do ano em curso. O documento refere que a Odebrecht Mining Services Investiments GmbH cumpriu integralmente o propósito definido de levar a sociedade Mineira de Catoca em conjunto com a ENDIAMA- EP e os demais accionistas, à maturidade operacional.

Ainda de acordo ao documento, a Odebrecht Angola manifestou a intensão de alinear a sua quota representativa de 16,4 por cento no capital social da Sociedade Mineira de Catoca, de forma a concentrar-se em seus projectos de infra-estruturas.

“O Capital Social da Sociedade Mineira de Catoca, Limitida, deve estar dividido em quotas com os seus valores nominais respectivos, que correspondem as seguintes participações: ENDIAMA – EP. – 41% por cento; Alrosa PJSC – 41 % LL International Holding B.V – 18% por cento”, explica o documento.