Kabuscorp do Palanca trabalha desfalcado

 

Devido aos compromissos da Selecção Nacional no CHAN do Marrocos, a equipa da Rua F prepara a temporada sem os principais jogadores.

POR: Mário Silva

O Kabuscorop do Palanca, que no dia 21 do corrente mês parte para Benguela, prepara a temporada 2018 sem os principais jogadores. Devido aos compromissos da Selecção Nacional no CHAN do Marrocos que arrancou ontem, Lunguinha, Nary, Depaizo são as prinicipais ausências. Por outro lado, Doutor Lami, Magola e Jota Be juntam-se ao grupo nos próximos dias. Os três últimos foram, segundo uma fonte do clube do Palanca, dispensados para resolver problemas pessoais.

A formação da Rua F, candidata ao título este ano, vai prosseguir a preparação na cidade das Acácias Rubras. Por este facto, vai realizar vários jogos de controlo com equipas locais, uma vez que o resto das equipas do Campeonato Nacional também estará em Benguela. O técnico do Kabuscorp do Palanca, Sérgio Traguil, fez saber que os atletas estão motivados e estão cientes dos desafios na presente época.

Assim, reconhece as exigências dos adeptos, mas frisou que conta com o apoio da direcção presidida por Bento Kangamba. “Sei que o Kabuscorp é uma equipa do topo no Girabola Zap, por isso estamos a trabalhar para manter altos níveis”, disse o treinador da formação do Palanca. A equipa da Rua F, na primeira jornada do Campeonato Nacional, desloca-se à província do Huambo. No Planalto Central, o Kabuscorp do Palanca medirá forças, em Fevereiro, com o Recreativo da Caála. No ano passado, a formação da Rua F foi a quarta classificada com quarenta pontos, mas não conseguiu atingir os objectivos, ou seja, vencer o campeonato.

Isaac entra nas contas de Zoran Maki

O internacional angolano do 1º de Agosto, Isaac, já recuperado da lesão contraída em Junho do ano passado, é uma peça a ter em conta nas opções do técnico Zoran Maqui. O atleta começou a trabalhar no ano passado com a equipa júnior, uma vez que precisava ganhar mais rodagem competitiva. Por este facto, vai ser lançado no jogo da Supertaça no dia 4 de Fevereiro. Isaac faz parte do grupo que prepara a temporada em Benguela, porém foi peremptório em dizer que está preparado e a trabalhar para conseguir um lugar no onze do técnico Zoran Maki. “Estou a trabalhar para ganhar a confiança do técnico”, adiantou o jogador na cidade das Acácias Rubras. O lateral direito submetido a uma intervenção cirúrgica, no ano passado, no joelho, ainda assim acredita que tudo está ultrapassado e que vai dignificar o nome do 1º de Agosto na sua posição.