Malária desafia autoridades sanitárias e mata diariamente três crianças no Chipindo

Malária desafia autoridades sanitárias e mata diariamente três crianças no Chipindo

A malária está a desafiar as autoridades sanitárias do município do Chipindo, 460 quilómetros a Leste da cidade do Lubango, capital da província da Huíla

Por: João Katombela, enviado ao Chipindo

Ante a passividade das autoridades sanitárias do . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta