Detox e Retox

Depois do meu artigo sobre o meu programa de desintoxicação ter sido publicado neste jornal, recebi inúmeros mails, telefonemas e mensagens a pedirem-me mais informações. Muitas pessoas pensam que o programa de desintoxicação baseia- se simplesmente em consumir sumos. Tenho recebido alguns pacientes na minha clínica de Luanda, queixando-se que, após alguns dias ou semanas, de consumo desses sumos, ou sucos detox, os seus estados de saúde deterioram-se. Uns ao consumirem sucos cítricos viram as dores de reumatismo aumentarem (deveriam ter consumido suco de cenoura, aipo e repolho).

POR: Luís Filipe

Outros que consumiram suco de beterraba viram a sua glicémia subir (deveriam ter consumido sumo de limão ou suco de clorofila). Muitas pessoas ligadas ao fitness pensam que desintoxicar é tomar sucos, escolher uma “alimentação balanceada” e exercício. – O que não comes é muito mais importante que aquilo que ingeres no programa desintoxicação. De facto, a melhor desintoxicação é abstenção total de alimentos. Jejuar. A minha estratégia, neste meu programa de detox, é eliminar todos os alimentos que acidulem o nosso organismo. Escolho os alimentos medianamente alcalinos, e em pequena quantidade. Por que precisamos nos desintoxicar? Teoricamente, em condições ideais e favoráveis, nosso corpo desintoxicar-se-ia sem a nossa ajuda.

Afinal de contas, o corpo é projectado para lidar com um número infindável de ameaças que fazem parte do nosso dia- a – dia: de bactérias e vírus a choques e temores. Os problemas aparecem porque no mundo moderno, o nosso corpo está sobrecarregado e os nossos sistemas naturais de eliminação não conseguem lidar com a tensão. E que tensão! O corpo elimina uma quantidade incrível de lixo todos os dias – pela urina e pelas fezes, pelo suor e pela emissão de gases. Uma parte é composta por

resíduos metabólicos, células mortas, subprodutos da digestão e outros resíduos naturais. Porém, uma quantidade cada vez maior é composta por resíduos tóxicos: o imenso lixo existente em Luanda, o ar irrespirável com cheiro constante dos gases dos geradores, pesticidas, aditivos alimentares, drogas, produtos de limpeza domésticos e industriais etç. Se quisermos desintoxicar a nossa vida, não basta nos concentrarmos apenas nos factores externos – alimentação saudável, água limpa e um ambiente sem toxicidade. Precisamos também de levar em consideração os nossos pensamentos, as nossas emoções e o estado energético de tudo que nos cerca.

As nossas emoções (1ª causa das doenças segundo a Medicina Tradicional Chinesa), desempenham um papel directo na saúde. por exemplo: um stress crónico e intenso pode ser responsável por muitas doenças, desde problemas cardíacos até úlceras e outras doenças degenerativas, incluindo o câncer. O próprio ambiente que nos envolve influencia o estado de espírito, as emoções e, consequentemente, a saúde e o bem – estar. A Medicina Tradicional Chinesa reconhece a presença de energia Vital (Qi) em tudo o que existe.

Quando o Qi se movimenta de maneira uniforme e harmoniosa, nossos pensamentos e sentimentos reagem de forma positiva. Logo os montes de lixo existente na cidade de Luanda, o cheiro constante a gasóleo, exercem um efeito extremamente negativo em nossas mentes e em nossos corpos. O meu programa de desintoxicação e rejuvenescimento tem a durabilidade de 7 semanas e coloca o paciente em contacto com todos os aspectos de desintoxicação – e no final desse período, o paciente descobrirá que muitas das técnicas se transformaram em hábitos extremamente saudáveis.