Jovem mata a mãe de 78 anos à paulada

Um jovem de 35 anos de idade está a ser acusado de ter agredido a própria mãe à paulada até causar-lhe a morte, na localidade de Upala, município de Caconda, província da Huíla. A anciã de 78 anos de idade foi surpreendida pelo filho quando regressava do cultivo, este, com uma barra de madeira disferiu-lhe vários golpes na região craniana. Com o peso da idade, associado à intensidade da violência, a anciã não resistiu aos ferimentos causados pelo agressor nascido de seu ventre, a vítima faleceu no Hospital Municipal da Caconda.

POR: João Katombela
na Huíla

Segundo o porta-voz em exercício do Comando Provincial da Polícia Nacional, que já oficializou a detenção do acusado, o facto ocorreu por volta das 17 horas do dia 31 de Janeiro do ano em curso. O Inspector Luís Filipe Zilungo, que fazia um balanço da situação operativa dos últimos 7 dias (de 31 de Janeiro a 07 de Fevereiro) na província da Huíla, garantiu que o acusado seria apresentado ao Ministério Público para efeitos de legalização da sua prisão.

No mesmo período, segundo o porta-voz em exercício do Comando Provincial da Huíla, foram igualmente registados 82 crimes de natureza diversa, menos três em relação a igual período anterior, 64 dos quais já foram esclarecidos. Foram registados crimes de homicídio voluntário, abuso de confiança e violação sexual ocorridos na via pública, ofensas corporais, roubos, furtos e posse ilegal de armas-de-fogo, bem como o uso e tráfico de drogas.

Relativamente aos crimes de violação sexual, o inspector Luís Zilungo, adiantou que foram registados três casos, dois dos quais já foram esclarecidos, tendo resultado na detenção de dois supostos autores dos mesmos crimes. Estes crimes ocorreram maioritariamente nos municípios do Lubango, 39 casos; Matala, 10; Caconda, seis; Humpata e Caluquembe, cinco casos cada; e Chibia, quatro casos.