Análise Diária: Reservas Internacionais Líquidas fixaram-se em 13,07 mil milhões USD em Janeiro

As Reservas apresentaram uma redução moderada de 2% em comparação ao mês anterior.

POR: Atlantico

Espaço Angola

As Reservas Internacionais Líquidas apuradas ao longo do mês de Janeiro de 2018 fixaram-se em 13,07 mil milhões USD, uma redução de 2% face ao último mês de 2017. • Os dados preliminares da estatística monetária e financeira de Janeiro apontam para um incremento em 6% da oferta de moeda, avaliada pelo agregado monetário M2, em relação ao mês anterior.

Espaço Internacional

EUA: O crescimento do Produto Interno Bruto (pib) anualizado atingiu 2,6% no 4º trimestre de 2017, uma desaceleração de 0,6 p.p. em comparação ao período anterior.  Alemanha: A taxa de inflação referente ao mês de Fevereiro de 2018 fixou-se em 1,4%, que corresponde a uma redução de 0,2 p.p. face ao período homólogo.

Visão Atlantico

As Reservas Internacionais Líquidas (RILs) situaram-se em cerca de 13,07 mil milhões USD no mês de Janeiro, uma redução de 2% face ao mês de Dezembro. O nível das RILs em Janeiro, apesar de ser o menor desde o início da série histórica em 2011, representou a menor redução mensal nos últimos sete meses, que poderá reflectir a introdução de alterações no mercado cambial, como o novo modelo de venda de divisas, a alteração da moeda de referência nos leilões de divisas e a aplicação do regime de câmbio flutuante com banda. • A taxa de crescimento do PIB anualizado norte-americano referente ao 4º trimestre de 2017 situou-se em 2,6%, inferior em 0,6 p.p. em comparação ao trimestre anterior. A redução da procura externa por serviços, no último trimestre do ano, em -3,3%, poderá ter penalizado a taxa, que fixou-se abaixo dos níveis apurados nos dois trimestres anteriores. O aumento dos salários, dos gastos das famílias e do preço das acções contribuíram positivamente para o crescimento.