ONU diz que presidente das Filipinas deve “ser submetido a testes psiquiátricos”

O Alto Comissário para os Direitos Humanos diz que Duterte “necessita de ser submetido a testes psiquiátricos”, depois de este ter ameaçado “esbofetear” a relatora especial das Nações Unidas.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Zeid Ra’ad Hussein, disse ontem, Sexta- feira, 9, que o presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, precisa de ser submetido a “testes psiquiátricos”.

“Os comentários do presidente das Filipinas em relação à relatora especial das Nações Unidas sobre execuções extra-judiciais, Agnes Callamard, são inaceitáveis. Leva-me a pensar que o presidente Duterte precisa de ser submetido a testes psiquiátricos”, afirmou Zeid em conferência de imprensa, em Genebra.

Duterte ameaçou, no ano passado, “esbofetear” Agnes Callamard por ter afirmado que nas Filipinas foram cometidas execuções extra-judiciais no âmbito da campanha contra estupefacientes, que causou mais de 7 mil mortes, segundo números divulgados por organizações não-governamentais.