UE diz não haver provas de existência de mercados de imigrantes escravos na Líbia

UE diz não haver provas de existência de mercados de imigrantes escravos na Líbia

A União Europeia (UE ) diz que não há comprovativos da existência de mercados de tráfico de migrantes como escravos na Líbia.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta