Seguranças em Benguela com vários meses de atraso salarial

Seguranças em Benguela com vários meses de atraso salarial

Das 82 empresas de segurança privada funcionais na província de Benguela, 7 devem entre 3 e 28 meses de salário aos seus trabalhadores. Estes, desconhecendo os seus direitos, não fazem greve e muitos temem a prisão, caso os locais que protegem sejam assaltados na sua ausência.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta