A cautela dos serviços mínimos no exercício das greves

A cautela dos serviços mínimos no exercício das greves

O país experimenta uma onda de greves que extrapola às paralisações habituais das actividades laborais no ramo da educação e saúde. Ora, saímos de greves dos funcionários da Procuradoria-Geral da República, dos professores, dos funcionários de . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta