UNESCO quer actuação concertada na preservação do património

UNESCO quer actuação concertada na preservação do património

A directora-geral da UNESCO, Andrew Azulay, considerou no Domingo (24), em Manama, Reino do Bahrein, o património como uma causa mundial, por ser a riqueza, identidade e história dos povos e que a sua preservação e restauração é obrigação comum

Falando na sess . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta