MNE Cabo Verde diz que é “absolutamente inaceitável” ter um país com pena de morte

MNE Cabo Verde diz que é “absolutamente inaceitável” ter um país com pena de morte

O ministro dos Negócios Estrangeiros cabo-verdiano, Luís Filipe Tavares, defende que a Guiné Equatorial tem de fazer "progressos concretos" na sua integração na comunidade lusófona, considerando "absolutamente inaceitável" ter um país com pena de morte na CPLP.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta