Pepino vai a enterrar amanhã

O veterano Alberto da Silva Pepino, que faleceu na noite de Sábado no Hospital Geral de Benguela vítima de doença, será amanhã sepultado no cemitério da Camunda, em Benguela.

POR: Madona Lourenço

Na homenagem realizada pela Federação Angolana de Ciclismo (FACI), a 1 de Julho do corrente ano, na cidade das Acácias Rubras, é de relembrar que Pepino começou por agradecer a federação pelo seu tributo, tendo rendido graças a Deus por lhe ajudado a chegar aos 95 anos. Na ocasião, o cicilista reconheceu que é um homem de poucas palavras e mostrou-se surpreende pelas figuras que estavam presente no local.

“Devo essa saúde a duas pessoas: primeiro à minha esposa, que me acompanha em todos os passos que dou, segundo, à Polícia Nacional, porque se estou ainda direito a ela o devo, ou seja, não desapareci, uma vénia para eles”, elogiou Alberto da Silva. O seu último feito aconteceu em 2013, quando sagrou-se campeão mundial veterano, tendo conquistado duas medalhas de ouro em provas de contra- relógio de 20 quilómetros e de fundo de 40 quilómetros, nos Estado Unidos da América.