Funcionários da AGT condenados até cinco anos

Funcionários da AGT condenados até cinco anos

Acusados dos crimes de fraude fiscal, falsificação, corrupção passiva, entre outros, quatro dos funcionários da AGT foram sentenciados, ontem, pelo Tribunal Provincial de Luanda, a penas de prisão efectiva que vão desde os dois aos cinco anos. Os demais reús tiveram penas suspensas.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta