João Pinto destaca legado de José Eduardo dos Santos

O membro do Comité Central do MPLA João Pinto apontou esta Quinta-feira, em Luanda, como legado de José Eduardo dos Santos, enquanto Presidente de Angola, de 1979 até 2017, a pacificação, reconstrução nacional e a preservação da dignidade humana.

No final da IV sessão extraordinária do Comité Central, orientada pelo Presidente do MPLA, José Eduardo dos Santos, João Pinto considerou que o seu legado serve de exemplo para os angolanos. “O que releva são os grandes princípios da dignidade da pessoa humana, da independência, da solidariedade”, assinalou o também deputado à Assembleia Nacional. João Pinto também incidiu a sua alocução a João Lourenço, actual Presidente da República e candidato a presidente do partido, cuja eleição será no dia 8 de Setembro próximo, augurando que mantenha a postura e garanta a unidade dos angolanos, a disciplina do Estado, e crie uma cultura de etnicidade para o desenvolvimento e bem-estar económico e social. Para o político, não se devem cometer os mesmos erros do passado, pelo que urge a criação de uma cultura de responsabilidade e de serviço público, tendo em vista o futuro.

Durante a sessão, o Comité Central reafirmou o seu apoio incondicional à eleição de João Lourenço ao cargo de Presidente do partido, no seu próximo congresso marcado para o dia 8 de Setembro próximo. Os membros do órgão aprovaram a informação ao VI Congresso Extraordinário do MPLA sobre o processo de transição política no partido e os projectos de resoluções sobre a outorga do título de Presidente Emérito do MPLA, de Membro Honorífico do Comité Central e de Militante Distinto do MPLA.

O Comité Central aprovou, igualmente, os projectos de resoluções sobre a outorga dos títulos de Presidente Emérito do MPLA, Membro Honorífico do Comité Central e de Militante Distinto do MPLA, ao Presidente António Agostinho Neto. Aprovou ainda os Projectos de Resolução sobre a outorga dos títulos de Presidente Emérito do MPLA, Membro Honorífico do Comité Central, Militante Distinto do MPLA a José Eduardo dos Santos, actual presidente da formação política.