João Lourenço é recebido amanhã pelo Presidente chinês

O estadista angolano chefia uma delegação de alto nível que irá participar do III Fórum de Cooperação Económica China-África (FOCAC).

O Presidente da República, João Lourenço, deixou ontem Luanda com destino a Beijing, República Popular da China, onde vai participar nos trabalhos da Cimeira do Fórum China-África, nos dias 3 e 4 de Setembro. Acompanham o Chefe de Estado nesta missão, entre outros, os ministros das Relações Exteriores, Manuel Augusto, e das Finanças, Archer Mangueira, além de funcionários do seu gabinete. O Chefe de Estado angolano será recebido amanhã, Domingo, 2, pelo Presidente chinês, Xi Jinping, num encontro previsto para as 16 horas locais, soube OPAÍS de um comunicado do Ministério das Relações Exteriores. De acordo com o programa, Segunda- feira, dia 03, entre as 10 e as 11horas locais, o ministro das Relações Exteriores vai participar na cerimónia de abertura do “diálogo de alto nível” entre líderes chineses e africanos.

Manuel Augusto deverá também assistir à VI Conferência de empresários da China e de África, a ter lugar no Centro Nacional de Convenções daquele país, à margem da cerimónia do FOCAC. A Cimeira China-África, que acontece pela segunda vez em solo chinês, é uma plataforma de consultas e diálogo colectivo, cujo objectivo é o fortalecimento de consensos, aprofundamento das relações de amizade, bem como a intensificação e promoção da cooperação entre o “gigante asiático” e os países do continente-berço da humanidade. A primeira edição do FOCAC aconteceu em 2006, em Beijing, e a segunda em Joanesburgo, em 2015.

A República Popular da China é dos credores mais importantes para grande parte dos países africanos. Com Angola mantém uma cooperação privilegiada e excelente. A partir de Novembro de 2003, a cooperação entre Angola e a China assinalou um significativo incremento, resultante da concessão de linhas de crédito, que permitiram reconstruir importantes infra-estruturas, no quadro do Programa de Reconstrução Nacional que o Executivo angolano iniciara em 2002 O Presidente João Lourenço participará pela primeira vez no Fórum China-África desde que foi eleito há um ano. A última cimeira da comunidade teve lugar na África do Sul em 2016.