Dez militares do Sudão do Sul condenados por assassínios e violações

Dez militares do Sudão do Sul condenados por assassínios e violações

Um juiz militar no Sudão do Sul condenou dez soldados a prisão perpétua pelos acontecimentos durante um episódio de violência em 2016 e no qual um jornalista morreu e cinco trabalhadores de ajuda humanitária foram violados.O Brigadeiro-General Knight Briani considerou dois dos . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta