Responsáveis das Finanças e Educação da Huíla permanecerão detidos por 45 dias

Responsáveis das Finanças e Educação da Huíla permanecerão detidos por 45 dias

A decisão decorre de um despacho exarado pelo procurador-adjunto do Serviço de Investigação Criminal (SIC) na província da Huíla, depois de acareados os delegados da Educação e das Finanças e o empresário Costa de Oliveira, acusados de corrupção


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta