Bruxelas quer proteger eleições europeias de interferências externas

Bruxelas quer proteger eleições europeias de interferências externas

A Comissão Europeia propôs hoje medidas para garantir que as eleições europeias do próximo ano decorrerão de forma livre e justa, imunes a "manipulações por países terceiros e interesses privados", anunciou o presidente do executivo comunitário, Jean-Claude Juncker.“Quero que os . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta