Merkel demite chefe dos serviços secretos internos

Merkel demite chefe dos serviços secretos internos

Hans-Georg Maassen é acusado de ter desvalorizado a vaga de violência xenófoba na cidade de Chemnitz e de ter simpatias por movimentos de extrema-direita

O chefe dos serviços secretos internos alemães, Hans-Georg Maassen, foi afastado do cargo por ter desvalorizado a onda . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta