Gestora de Fundo Soberano contra prisão “injustificada e ilegal” de administrador

Gestora de Fundo Soberano contra prisão “injustificada e ilegal” de administrador

A consultora financeira Quantum Global considerou hoje “injustificada e ilegal” a prisão preventiva do seu administrador, o empresário suíço-angolano Jean-Claude Bastos de Morais, por má gestão do Fundo Soberano de Angola (FSDEA).

"A Quantum Global denuncia tentativas da nova administração do . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta