Polícia desmente demissão do Comandante Geral

Polícia desmente demissão do Comandante Geral

O Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa fez sair um comunicado de imprensa, ontem, a desmentir as informações postas a circular, nas redes sociais que dão conta do facto de o comandante-geral da Polícia Nacional, Paulo de Almeida, recém-nomeado, ter pedido a demissão do cargo que ocupa, por questões de saúde.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta