Erdogan: “Temos certeza de que Khashoggi foi assassinado no consulado saudita”

Erdogan: “Temos certeza de que Khashoggi foi assassinado no consulado saudita”

Erdogan diz que estiveram envolvidas duas equipas sauditas no assassinato do jornalista e que este foi um crime “selvagem” e “premeditado”. E pede que os 18 detidos sejam enviados para Istambul Não restam dúvidas ao presidente turco sobre quem está envolvido na morte do jornalista saudita Jamal Khashoggi nem sobre onde o colaborador do The Washington Post foi morto. “Temos certeza de que Khashoggi foi assassinado no consulado saudita”, revelou Recep Tayyip Erdogan que ontem Terçafeira de manhã se dirigiu ao parlamento em Ancara para revelar as conclusões do inquérito à morte do jornalista saudita. Envolvidos no crime estão duas equipas sauditas, das quais fazem parte generais.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta