PGR interroga detidos do BNA e da Faculdade de Economia de Benguela

A Procuradoria Geral da República em Benguela começou, desde Segunda- feira, a interrogar os suspeitos de crimes de peculato e branqueamento de capitais cujos mandados de detenção foram executados Quinta-feira, 18, pelo Serviço de Investigação Criminal

Ontem, segundo dia de audição . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta