Quiminha produz 19 milhões de ovos

Quiminha é um dos maiores projectos agrícolas de Luanda e do país, que visa abastecer a capital com produtos do campo e avícolas. O aumento da produção de ovos é um desafio.

Dezanove milhões de ovos é a produção que se perspectiva até final de Dezembro próximo, no Projecto Integrado de Desenvolvimento Agrícola e Regional da Quiminha, disse o gestor do local, Hermenegildo Vieira Dias. O responsável avançou que diariamente são recolhidos 80 mil ovos, perspectivando-se que nos próximos anos a produção aumente para 24 milhões por ano. Salientou que o Projecto da Quiminha encontra-se a trabalhar no sentido de também serem colocados no mercado, antes do final do ano, 35 mil toneladas de produtos agrícolas, grafaram também o mercado do 30 (Viana), uma fábrica de confecções de uniformes e a subestação de energia eléctrica da região Luanda/Bengo, deu a conhecer que estão a ser criadas as condições para a produção de manga, abacate, laranja e limão.

O projecto, da responsabilidade do Estado, conta com 600 trabalhadores das diferentes especialidades, dos quais 39 por cento são mulheres e 15 expatriados, controlados pela Gesterra-Sociedade Anónima. O projecto da Quiminha tem como objectivo principal a produção, em grande escala, de entre outros produtos horto- frutícolos, grãos, tubérculos e ovos, para abastecimento do mercado nacional.

O espaço de cinco mil hectares, criado em 2017, está localizado na zona sudeste de Luanda, no distrito urbano da Quiminha, município de Icolo e Bengo. Os integrantes do projecto jornalístico “Andar Luanda” da iniciativa da Luanda Antena Comercial (LAC) radiocomo